Contextualizando o Ensino de Química através da Problematização do Narguilé

Claudinei Dumke, Alex Rodrigues, Anelise Grünfeld de Luca

Resumo


As aulas de Química no ensino médio na maioria das vezes não fazem sentido para os estudantes, as razões para isto são muitas, entre elas: o ensino conteudista, os currículos ultrapassados, as escolas em condições precárias de funcionamento, desprovidas de laboratórios, tornando os professores e os estudantes cada vez mais desmotivados com este cenário. É importante trazer para as salas de aula assuntos pertinentes a sua pratica social como o uso de drogas especificamente nesse caso, a nicotina fantasiada de narguilé, considerando o aumento avassalador do uso entre jovens que na intenção de sentirem-se aceitos e inclusos no grupo, não percebem os riscos de saúde que podem sofrer, conforme citado nos Parâmetros Curriculares Nacionais – PCN “as drogas psicoativas podem assumir um papel importante na vida dos adolescentes como recursos facilitadores da comunicação, da busca do prazer ou da vida como os novos desafios que se apresentam ” (BRASIL, 1998, p.273). A sequência didática deste trabalho objetivou a conscientização dos estudantes na tomada de decisões, problematizando o narguilé no ensino de química.


Texto completo:

PDF

Referências


BRASIL. Ministério da Educação. Secretaria de Educação e tecnologia. Parâmetros Curriculares Nacionais: Ensino Médio. Parte I – Bases Legais. Brasília: MEC/SEMT 2000.

CHASSOT, A.I. Para quem é útil o nosso ensino de Química? Ijuí: Livraria Unijuí, 1995.

MACHADO, A.H.; SILVEIRA, K.P. e CASTILHO, D.L. As aulas de Química como espaço de investigação e reflexão. Química Nova na Escola, n. 9, p. 14-17, 1999.

MALDANER, O.A. A formação inicial e continuada de professores de Química professores/pesquisadores. Ijuí: Livraria Unijuí, 2000.

MANUAL DO MUNDO. Conheça o veneno do cigarro. Disponível em: . Acessado dia 20 Mar 2016.

INCA – Instituto Nacional de Câncer. O que é Narguilé? Disponível em: . Acessado dia 15 Mar 2016.

SANTOS, W. L.P. O Ensino de Química para formar o cidadão: principais características e condições para a sua implantação na escola secundária Brasileira. Campinas: UNICAMP. 1992. Dissertação. (Mestrado em Educação), Faculdade de Educação, Universidade de Campinas, 1992.

SCIVOLETTO, S. e MORIHISA, R.S. Conceitos básicos em dependência de álcool e outras drogas na adolescência. J. Bras. Dep. Química, n. 2, p.30-33, 2001.

VYGOTSKY, L.S. Pensamento e linguagem. Trad. J.L. Camargo. São Paulo: Editora Martins Fontes, 1987.


Apontamentos

  • Não há apontamentos.