Educação Financeira nas aulas de matemática com o uso de Mobile Learning

Adilson Vilson Vieira, Elisa Henning, Learcino dos Santos Luiz

Resumo


Este artigo apresenta resultados de uma atividade sobre Educação Financeira, sob a perspectiva da Educação Matemática Crítica, e conta com a utilização de tecnologias móveis, como smartphones e tablets, para a produção de um vídeo explicativo sobre as diferenças entre Juros Simples e Juros Compostos. Por meio da metodologia da Sala de Aula Invertida desenvolvemos uma investigação matemática para solucionar um cenário que envolvia a diferença entre os tipos de Juros. O vídeo contou com a atuação e dramatização dos estudantes para a resolução do problema apresentado. Foram analisadas as possibilidades pedagógicas da teoria do Mobile Learning para o ensino de conceitos financeiros em turmas de 9° ano do Ensino Fundamental. O trabalho se mostra relevante visto que há uma grande demanda por parte da sociedade por melhores níveis de aprendizagem, pelo uso eficiente das tecnologias digitais na educação, e também, por dinâmicas e metodologias de ensino que levem os alunos, não só ao conhecimento dos conteúdos curriculares, mas  ao desenvolvimento de habilidades e competências necessárias para o cidadão do século XXI, como saber trabalhar em grupo, usar a criatividade, ser protagonista de seu aprendizado e utilizar as tecnologias digitais com racionalidade, para a resolução de problemas.


Texto completo:

PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.