A inserção das TIC na educação inclusiva: desafios e possibilidades

Cristiane Maria da Silva Campos, Maria Núbia Pessoa

Resumo


Este artigo relata uma experiência curricular, em uma instituição pública de Ensino Básico, na cidade de Natal no Estado do Rio Grande do Norte – Brasil, com uma criança com Síndrome de Down. A intervenção que fizemos junto da criança foi orientada pelos princípios teórico-conceptuais da Educação Inclusiva e pelo facto de as Tecnologias de Informação e Comunicação (TIC) terem vindo a ganhar cada vez mais impacto nos processos de ensino e de aprendizagem, em geral, e particularmente, junto de alunos portadores de necessidades educativas especiais. Dessa forma, o trabalho teve como objetivo geral: utilizar as Tecnologias de Informação e Comunicação, concretamente, o uso do computador e tablete, para auxiliar o professor no processo de desenvolvimento curricular e o aluno com Síndrome de Down no desenvolvimento da sua aprendizagem. Metodologicamente recorremos à investigação-ação, pelo que a teoria se revelou fundamental na prática educativa. Explicitamos as conquistas da criança durante o processo, com relação à socialização, valorização das habilidades, desenvolvimento da sensibilidade, assim como o reconhecimento e valorização dos pais. As TIC podem dar um contributo relevante nas práticas pedagógicas de professores que lecionam na educação inclusiva, pois favorecem o desenvolvimento cognitivo e a autoestima da pessoa com deficiência.

Texto completo:

PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.