A construção da Base Nacional Comum Curricular no Brasil: tensões e desafios

Adriana Corrêa, José Carlos Morgado

Resumo


A construção da Base Nacional Comum Curricular (BNCC)no Brasil, iniciada em 2015, foi concluída, tendo sido aprovada recentemente pelo Conselho Nacional de Educação. Sendo uma construção com uma forte componente política, não surpreende que tenha sido alvo de muitos conflitos e tenha estado sujeita a muitas tensões. Por isso, não podemos deixar de ter em conta quer os processos de fabricação do currículo a partir dos contextos de produção e influência propostos por Ball (1994), quer os paradigmas que nortearam essa construção, quer, ainda, os constrangimentos ideológicos que resultaram do envolvimento de organismos internacionais e de fundações privadas nesse empreendimento.

Texto completo:

PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.