PERFIL DOS HIPERTENSOS USUÁRIOS DE MEDICAMENTOS DA FARMÁCIA POPULAR DE ALFENAS-MG

Luciene Alves Moreira Marques, Luci Sanae Shoji, Laila Carvalho Amarante, Eliana Bernardes Lourenço

Resumo


A hipertensão arterial possui alto índice de prevalência, sendo uma doença crônica que apresenta elevado custo médico-social, pois é um dos mais importantes fatores de risco para o desenvolvimento de doenças cardiovasculares. No Brasil, em 2003, 27,4% dos óbitos foram decorrentes de doenças cardiovasculares. Desta forma, o objetivo deste trabalho foi caracterizar os pacientes hipertensos usuários da Farmácia Popular de Alfenas-MG através da coleta de dados pessoais e gerais e oferecer o serviço de Acompanhamento Farmacoterapêutico. Todos os pacientes hipertensos que adentravam a Farmácia Popular no horário em que as acadêmicas estavam presentes, tiveram sua pressão arterial aferida. Para a coleta de dados, foi utilizada a Ficha de História Farmacoterapêutica do Método Dáder. No total, foram atendidos 237 pacientes no período de dez meses, destes, 47% são do sexo masculino e 53% do sexo feminino. Os pacientes foram classificados segundo a V Diretrizes Brasileira de Hipertensão Arterial (2006), de acordo com o valor da pressão arterial na primeira consulta em: normal (22%), limítrofe (20%), hipertenso estágio 1 (37%), hipertenso estágio 2 (15%) e hipertenso estágio 3 (6%). Desse total de pacientes, apenas 27 aceitaram participar do acompanhamento farmacoterapêutico, sendo divididos em dois grupos. O grupo controle foi composto de doze pessoas, já o grupo teste possuía 15 pessoas. Os problemas de saúde mais freqüentes do grupo teste além da hipertensão são diabetes (47%), colesterol alto (53%), dor no peito (27%), entre outros. Os medicamentos mais utilizados pelos pacientes do grupo teste são: sinvastatina (47%), metformina (13%), AAS (20%), inibidores de ECA (46%), hidroclorotiazida (33%) e atenolol (40%). Os principais fatores de risco encontrados foram: sobrepeso ou obesidade e sedentarismo.

Texto completo:

PDF




Direitos autorais



Cidadania em Ação: Revista de Extensão e Cultura, Florianópolis, Brasil. ISSN 2594-6412 (eletrônico) Indexada REDIB http://www.redib.org/