PERSPECTIVAS DO ENSINO DE HISTÓRIA: atividades extensionistas no ensino fundamental em Iguatu-CE

Joilson Silva de Sousa, Roseane Fernandes Feitosa, Laís Maria Pereira Costa

Resumo


Este artigo apresenta os dados iniciais das atividades do projeto de extensão: Ensino de História e Consciência Histórica: apoio pedagógico aos alunos do Santo Antônio em Iguatu-Ce, aprovado pela Pró-Reitoria de Extensão da Universidade Estadual do Ceará - UECE, para ser desenvolvido no ano de 2018 na linha de Extensão: Metodologias e estratégias de ensino/aprendizagem, que ocorre na Faculdade de Educação, Ciências e Letras de Iguatu – FECLI. O referido projeto, objetiva potencializar a consciência histórica dos alunos do ensino fundamental em Iguatu-Ceará, a partir da prática docente dos estudantes de pedagogia e os alunos da comunidade de Santo Antônio, priorizando a formação de um cidadão consciente dos seus direitos e deveres, do seu lugar histórico e estabelecendo uma ligação com o local onde habitam. Destarte, o fundamento teórico-metodológico utilizado se alinha ao ensino de história, consciência histórica e aprendizagem histórica fundamentado em autores como Fernando Cerri, Selva Guimarães, Itamar Freitas e Jörn Rüsen. O método crítico de abordagem pretende construir um senso de criticidade e simultaneamente procurar integrá-los na estrutura social e cultural em que estão inseridos, através de atividades didáticas aos discentes envolvidos utilizando de maneira interdisciplinar ao ensino de história. Percebe-se dificuldades de letramento com alunos de 4º e 5º ano do ensino fundamental. Contudo, no que concerne ao lugar social onde se está inserido e o reconhecimento deste como ponto de pertence, pode-se acreditar que o projeto em desenvolvimento estabelece relações de construção entre alunos e bolsistas de significações e sentidos.

Palavras-chave


Ensino de História; Consciência Histórica; Lugar Social

Texto completo:

PDF

Referências


BITTENCOURT, Circe Maria Fernandes. Ensino de História: fundamentos e Métodos. São Paulo: Cortez Editora, 2011.

BOGDAN, Robert; BIKLEN, Sari Knopp. Investigação qualitativa em educação: uma introdução às teorias e aos métodos. Porto: Porto Editora,1994.

BRASIL, Ministério da Educação. Base Nacional Comum Curricular. Brasília: MEC, 2017.

_______. Secretaria da Educação Básica. Parâmetros Curriculares Nacionais/História. Ensino Fundamental. Brasília: MEC/SEF, 1997.

CERRI, Luis Fernando. Ensino de História e Consciência histórica. Rio de Janeiro: Editora FGV, 2011.

FREITAS, Itamar. Fundamentos teóricos-metodológicos para o Ensino de História (Anos iniciais). São Cristóvão: Editora UFS, 2010.

GUIMARÃES, Selva. Didática e Prática de Ensino de História. 13 ed. São Paulo: Papirus, 2013.

HOBSBAWN, Eric. Era dos extremos: O breve século XX (1914-1991), 2 ed. São Paulo: companhia das letras, 1995.

MINAYO, Maria Cecília de Sousa; DESLANDES, Suely Ferreira; GOMES, Romeu. Pesquisa Social: teoria, método e criatividade. 34 eds., Petrópolis: Vozes, 2015.

MOITA, Filomena Maria Gonçalves da Silva Cordeiro; ANDRADE, Fernando Cézar de. Ensino-pesquisa-extensão: um exercício de indissociabilidade na pós-graduação. Revista Brasileira de Educação, v. 14, n. 41, maio/ago. 2009.

SCHIMIDT, Maria Auxiliadora; CAINELLI, Marlene. Ensinar História. São Paulo: Ed. Scipione, 2009.

THOMPSON, Edward Palmer. A miséria da teoria. Rio de Janeiro: Zahar, 1981.






Direitos autorais 2018 Cidadania em Ação: Revista de Extensão e Cultura

Licença Creative Commons
Este obra está licenciado com uma Licença Creative Commons Atribuição 4.0 Internacional.

Cidadania em Ação: Revista de Extensão e Cultura, Florianópolis, Brasil. ISSN 2594-6412 (eletrônico)