TRAJETÓRIAS SOCIAIS DE EGRESSAS DO ENSINO SECUNDÁRIO DO COLÉGIO ESTADUAL DIAS VELHO (1951-1960)

Leticia Vieira, Norberto Dallabrida

Resumo


O presente estudo tem como objetivo analisar, em perspectiva sócio-histórica, as trajetórias sociais de alunas egressas do Curso Científico do ensino secundário do Colégio Estadual Dias Velho, colégio público, gratuito e laico, que atendia no período recortado, homens e mulheres na grande Florianópolis, entre os anos de 1951 e 1960. As escolhas sócio-profissionais destas mulheres serão analisadas sob a luz dos conceitos de

capital social, capital cultural e capital simbólico, elaborados pelo sociólogo Pierre Bourdieu e suas trajetórias serão estudadas relacionando a origem social, percurso escolar e carreira profissional, com o intuito de, partindo de uma análise realizada acerca dos dados colhidos em pesquisa, apreender de que forma se deu, para este público, a produção de desigualdades sociais por vias escolares.

Texto completo:

PDF