A CRIAÇÃO DO GINÁSIO ESTADUAL DE MATÃO E A PARTICIPAÇÃO DO PODER PÚBLICO MUNICIPAL (1940-1947)

Carlos Alberto Diniz

Resumo


Esta reflexão incide no exame da criação do primeiro Ginásio Estadual da cidade de Matão, localizada no Estado de São Paulo, a partir de uma breve análise de como se estabeleceram as relações entre o poder público municipal e o estadual com vistas a promover a difusão da educação secundária, permitindo-nos compreender o jogo político implicado entre os anos de 1940 e 1947. Para esta investigação foram utilizados como fontes os artigos
publicados no jornal A Comarca, Atas da Câmara Municipal de Matão, o Relatório do Recenseamento Geral do Brasil produzido pelo IBGE em 1940, Decretos, Portarias e Editais
da Prefeitura Municipal dessa cidade e a Legislação Estadual. Essa documentação levou-nos a perceber que os interventores e governadores paulistas utilizaram como estratégia inicial de
difusão do secundário o processo de transferência para o Estado dos estabelecimentos de ensino secundário municipais já existentes numa ação orquestrada que colocava a escola
secundária no centro do jogo político.

Texto completo:

PDF